"Deixa deixa eu dizer o que penso desta vida. Preciso demais desabafar!"

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

O que será de nossas crianças???


Bom, eu queria postar aqui, dessa vez algo que fosse positivo, que deixasse as pessoas felizes, mas terei que adiar devido ao livro que estou lendo e está me interessando muito, principalmente que diz sobre a área com a qual estou engajada que é a Pedagogia.

Queria só deixar claro uma coisa que penso sobre o curso de Pedagogia: Ele não está só. Sem contar os cursos em que envolvem a Educação como português, matemática, etc. Para que haja uma boa Pedagogia precisa-se da Psicologia, Psiquiatria e da Filosofia.

Todos estes para pensar sobre vários assuntos que andam nos deixando preocupados.

Hoje em dia nossas crianças estão crescendo sem conhecer as lindas, belas e fantásticas coisas da vida que se iniciam na infância.

Muitas têm seus computadores, e até as que não têm possuem acesso à internet e estão até criando seus orkuts, com fotos onde fazem biquinhos e se vestem com roupas ousadas mostrando parte de seus corpos ou fazendo poses não adequadas para suas idades; bonecas que se movimentam e falam sem precisar que sua dona invente a brincadeira que quer ou imagine um movimento que a boneca possa fazer; video-games com jogos fora de sua faixa etária; laptops com jogos já inventados onde as crianças têm que apertar somente um botão para resolvê-lo, o lápis e o papel já perderam sua vez nos joguinhos de "jogo-da-velha" e na "forca", os pequeninos nem precisam mais de companhia para jogar, o computador é um ótimo adversário!

Mas onde estão os pais nesse momento tããão importante da vida de uma pessoa? Trabalhando muito, fazendo academia, namorando, indo à festas, no salão de beleza tratando de seu rejuvenescimento, em geral tendo compromissos mais importantes!

As pessoas estão se esquecendo que as crianças de hoje representam a próxima geração! Vamos entregar assim, depois de muito suor, o mundo que construímos para a nova geração que não tem nem noção do que se deve fazer?!

Claro que sem generalizar, podemos tirar uma ou outra famíllia que está educando corretamente seus filhos.

Precisamos mais do que isso, precisamos mostrar para as crianças que a tecnologia é muito boa e nos ajuda bastante, mas não vivemos dependentes dela, temos outras saídas.

E mostrar que a vida é bela, que deve ser vivida intensamente!

As crianças de hoje precisam ver a beleza da vida nas pequenas coisas, ao vivo, não só pela televisão. Elas precisam ver as borboletas, a passagem de uma estrela cadente, uma flor desabrochando, um arco-íris no céu, como os pássaros cantam belas e diferentes canções, como as formigas trabalham e ajudam umas as outras!

E precisam saber que a vida não é como elas querem, que ouçam "nãos", que sejam pacientes, solidárias, responsáveis, criativas (muitos necessitam e nunca tiveram momentos de criatividade), que saibam perdoar ao outro, que tenham companheirismo, ousadia, determinação, motivação e capacidade de superação.

E quem aqui nasce sabendo?
Todos nós precisamos dos nossos educadores: pais, avós, tios, professores, irmãos, etc.

E nós como educadores temos que ter consciência de que nossas crianças estão ficando doentes nesse mundo de pressa e muita informação.

Um trecho do livro que estou lendo diz:

"Quanto pior for a qualidade da educação, mais importante será o papel da psiquiatria neste século. Vamos assistir passivamente à indústria dos antidepressivos e tranqüilizantes se tornar uma das mais poderosas do século XXI?[...]


Que nós professores façamos projetos em salas de aula não somente para os pais verem o que os filhos fizeram, aplaudir e pagar com orgulho a mensalidade da escola. Em primeiro lugar, temos nossos educandos, eles é que são nosso alvo principal, eles é que vão levar as coisas que aprendem pro resto de suas vidas.


E que todos, em geral, pensem no bolo de neve que estão construindo. E se é isso mesmo que querem para o futuro.

Nenhum comentário: